Uma palavra de reconhecimento...

Houve um tempo, em que não se falava de pais em luto. Houve ainda um tempo, não muito antigo, em que pais em luto não tinham um espaço próprio onde pudessem partilhar a sua dor. E houve o tempo d´A Nossa Âncora.

A Nossa Âncora veio ocupar uma lacuna gravíssima que existia na sociedade portuguesa. Portugal era dos poucos países da Europa onde não existia uma associação com estas características. O seu trabalho de anos foi merecidamente glorificado por milhares de pais em luto e pela sociedade em geral. O preconceito de falar do filho que partiu deixou de existir de uma forma tão intensa e os pais em luto, começaram a ver-se e a sentirem-se como pais inteiros.

Este trabalho não pode ser esquecido, mesmo agora, terminado o seu ciclo. A Nossa Âncora acabou, mas a sua função continua, através da Laços Eternos.

Para todos os pais em luto, que fazem ou fizeram parte d´A Nossa Âncora, a todas as moderadoras, de norte a sul e Madeira, à sua mentora e à presidente, todos e todas merecem um aplauso de fraterna amizade.

Em memória dos filhos e filhas que partiram, A Nossa Âncora vê nascer a Laços Eternos

Дървени летви - колчета http://www.emsien3.com/letvi от ЕМСИЕН-3
Дървени талпи http://www.emsien3.com/талпи от ЕМСИЕН-3